quinta-feira, 22 de junho de 2017

O HISTORIADOR NÃO PODE INVENTAR NADA!















Clique na tela abaixo e assista o vídeo o vídeo que
trata  do livro Apologia a História de Marc Bloch


Prefeito Antonio Peixoto reúne com Governador do Amazonas, David Almeida e com o Secretário de Estado de Política Fundiária, Ivanhoé Mendes Filho.






O Prefeito de Itacoatiara, Antonio Peixoto, o Governador do Amazonas David Almeida e o Secretário de Estado de Política Fundiária Ivanhoé Mendes Filho, estiveram reunidos na manhã desta quinta-feira (22), no Palácio do Governo, para discutir parcerias a serem implementadas no município. 


Durante a reunião ficou estabelecido que o Governo do Estado vai fazer o possível para desapropriar as terras entre a Vila do Novo Remanso e a estrada AM 010 - próximo à Lindóia. Aproveitando a ocasião o Governador voltou a reafirmar o seu compromisso com a infraestrutura do município. Esta é a terceira vez que o Prefeito é recebido pelo Governador, o que mostra o empenho e comprometimento dos poderes por uma Itacoatiara mais próspera.

fonte: ASCOM/PMI

CÂMARA REALIZA AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE DATA DO ANIVERSÁRIO DE ITACOATIARA





A Câmara Municipal de Itacoatiara realizou nesse dia 21 de junho de 2017, primeira audiência pública para debater sobre a história de Itacoatiara e sua data de fundação. A reunião foi requerida pelo vereador Francisco Rosquilde e aprovada por todos os seus colegas de parlamento.
O objetivo desses debates é tentar, através de estudos históricos, estabelecer uma nova data para que seja comemorado o aniversário de Itacoatiara, que, segundo pesquisas, seria 08 de setembro de 1683.
Além de autoridades e o povo em geral, foram convidados: o advogado, historiador e escritor, Francisco Gomes da Silva, considerado o maior pesquisador e conhecedor da história de Itacoatiara; o professor, pesquisador e historiador, Frank Chaves e o professor e pesquisador Claudemilson de Oliveira, para exporem suas teses e pesquisas, sobre a data do aniversário de Itacoatiara.
O historiador e escritor, Francisco Gomes da Silva, foi o primeiro a fazer a sua explanação, narrando pormenores da sua pesquisa, acerca da história da fundação de Itacoatiara. Para Gomes, o município de Itacoatiara foi fundado pelos Jesuítas em 08 de setembro de 1683, no dia de Nossa Senhora da Luz, que por esse motivo deveria estar festejando 334 anos e não 143.
O historiador Frank Chaves, que disse ser um discípulo de Francisco Gomes, ressaltou que respeita a tese do seu mestre, porém entende que os fatos históricos são melhores sustentados, quando baseados em documentos, por isso, para ele, se o objetivo é encontrar uma data que acrescente mais anos de idade para Itacoatiara, a data a ser considerada deve ser 1° de janeiro de 1759, dia da fundação da Vila de Serpa, da Prelazia de Itacoatiara e dia em que foi dado posse a Câmara Municipal, que era o órgão que administrava a cidade naquela época. E isso é comprovado pelo documento expedido pela Assembleia Provincial.
Já o professor Claudemilson é adepto da tese do historiador Francisco Gomes.
Todos esses estudos e teses serão encaminhados a Comissão de Constituição e Justiça, que deve analisar e promover nossos debates sobre o assunto.

fonte: Itacoatiara On Line

sábado, 17 de junho de 2017

FECC/2017 - Apresenta os vencedores do concurso Gata e Gato Vital


Os vencedores do concurso Gato e Gata Vital foram:
Gata Vital 2017 - PATRÍCIA KELLEN
Gato Vital 2017 - DÉRICK OLIVEIRA.

Amazonense nascido em Itacoatiara, luta no México para conquistar o Título do XMA-6 de sua categoria!


O lutador amazonense, nascido em Itacoatiara Marcondes Bastos, vai lutar na categoria galo 61k. A luta do XMA-6. A luta acontecerá nesta noite (16.06) na cidade Mérida Yucatan no México. Marcondes está radicado em Manaus já algum tempo, para manter o ritmo dos treinos e é uma grande promessa para o esporte amazonense!

Prefeito Antonio Peixoto recebendo o lutador Marcondes Bastos

"De Itacoatiara para o Mundo! Obrigado Jesus Cristo por tudo Que tem feito em minha vida!". "Prefeito de Itacoatiara Antônio Peixoto, obrigado por ter me recebido e pelo apoio dispensado. Vamos levar o nome de Itacoatiara mais uma vez em mais um evento Internacional". (Marcondes Bastos)

domingo, 11 de junho de 2017

E o trabalho continua! Prefeitura de Itacoatiara faz manutenção no ramal Santa Luzia, localizado na estrada AM-010

O ramal Santa Luzia, fica localizado no km 206 da estrada AM-010 e possui 9 km. E foi aberto na 1ª Administração do prefeito Antonio Peixoto e precisava de reparos urgentes. Neste sábado 10/06/2017, o prefeito Antonio Peixoto esteve acompanhando in loco os serviços de terraplenagem, juntamente com o Secretario do Interior Adilon. O ramal estava praticamente intrafegável, pela falta de manutenção e isso estava prejudicando a vida dos moradores, alunos e dos os produtores rurais da região. Mais uma realização da Prefeitura de Itacoatiara, através da ação conjunta das Secretarias do Interior e Infra-estrutura.

Prefeito de Itacoatiara Antonio Peixoto, classificado no ranking entre os dez melhores prefeitos do Amazonas



Matéria do jornal acrítica deste domingo (11) de junho de 2017, destaca na folha A6 - coluna Gestão Pública, as 10 Prefeituras premiadas com o melhor rendimento, nos primeiros 100 dias da administração na qual Itacoatiara ficou em 3º lugar. Os critérios avaliados pela pesquisa de opinião se sustentaram na observação da qualidade dos serviços públicos, destacando-se: educação, serviços sociais entre outros. Confira a matéria publicada pelo Jornal Acrítica deste domingo.

Os dez municípios classificados foram:
1º Barcelos - Edson Mendes
2º Parintins - Bi Garcia
3º Itacoatiara - Antonio Peixoto
4º São Gabriel da Cachoeira - Clóvis
5º Presidente Figueiredo - Romeiro
6º Novo Airão - Wilton
7º Manacapuru - Beto Dangelo
8º Nhamundá - Nenê Machado
9º Atalaia do Norte - Nonato
10º Manicoré - Sabá Medeiros











sábado, 10 de junho de 2017

Homenagem da Academia Itacoatiarense de Letras a "última flor do Lácio inculta e bela!"



Ela é a “última flor do Lácio, inculta e bela”. Assim é a língua portuguesa, de acordo com a metáfora do autor parnasiano Olavo Bilac.

Lácio, para quem estranhou a palavra, é uma região na Itália onde se falava o latim, língua oficial do Império Romano que foi mãe de outros tantos idiomas, como o francês, o espanhol e o italiano.

A região do Lácio (Lazio), na Itália, berço da derivação do latim que fez nascer a língua portuguesa

A razão do poético apelido é que a filha mais jovem é justamente a língua a qual falamos no Brasil. E, claro, no país de nossos colonizadores, Portugal, e também em Angola, Moçambique, Guiné-Bissau, Cabo Verde, São Tomé e Príncipe e Timor Leste.
Mas há diferenças no modo como falamos no Brasil em relação à forma original do idioma lusitano. O português brasileiro, por exemplo, é extremamente aberto a novas experiências. Como vemos no dia a dia, não há problema algum em “importar” palavras e criar estrangeirismos, ao contrário do que ocorre em Portugal, onde o mouse do PC, por exemplo, é “rato”.


JEITINHO BRASILEIRO (PERO NO MUCHO)



Ao contrário de nossos colonizadores, que torcem o nariz para o palavreado de fora, no Brasil foram adaptados nos últimos 50 anos diversos termos do inglês tais como eram na origem. Alguns exemplos: um dos primeiros, o “xis-salada”(de “cheese“); um dos mais atuais, o e-mail; os serviços contemporâneos de “delivery”; e um termo comum na moda, a “customização” (“custom“).

O estrangeirismo já está devidamente ambientado no cotidiano do brasileiro

E além dessas adaptações, há palavras que saem da boca do brasileiro de um jeito tão natural e íntimo que até parecem coisa nossa, principalmente no universo cultural, gastronomia, moda. Entre eles: show, blockbuster, fashion, cupcake. Já no ambiente corporativo viraram chavões as expressões: “pessoal do marketing”, “temos que atingir o target”, “definir o “briefing”.



EMPOBRECIMENTO DA LÍNGUA OU EVOLUÇÃO?



O pessoal nas redes sociais costuma não perdoar – para o bem ou para o mal. É lá que vemos diariamente como o pessoal se comunica na língua escrita: há o grupo que não perdoa a forma correta de falar, simplificando, abreviando e, não raro, escrevendo errado mesmo (até de forma proposital, como é o caso do “internetês”). Do outro lado, tem aqueles que não perdoam erros grotescos, sofrem de “desilusões ortográfico-amorosas” e costumam policiar os “infratores”.


Em linhas gerais, existe a ideia de que o português está ficando cada vez mais pobre. A verdade é que mesmo a fala coloquial mais grotesca tem aceitação hoje em dia. Exemplo: “nós pega o peixe” ou “os menino pega o peixe”, parecem completamente erradas, não? Mas o uso da língua popular – mesmo com erros gramaticais – é defendido por diversos autores de referência em educação no Brasil. Tudo para que alguns alunos não sofram do chamado “preconceito linguístico”.


Atualmente, a Língua Portuguesa é falada por mais de 250 milhões de pessoas em todo o mundo, a grande maioria – quase 200 milhões – no Brasil.No dia 10 de junho é comemorado o Dia da Língua Portuguesa. Olavo Bilac, jornalista e poeta brasileiro, membro fundador da Academia Brasileira de Letras, fez um poema dedicado a essa nossa maravilhosa língua:

No dia 5 de Maio de 2017 o Dr. Raimundo Silva, membro efetivo e atual vice-presidente da Academia Itacoatiarense de Letras, na sua rede social facebook, teceu algumas importantes considerações sobre a nossa língua mater, que postamos neste momento em homenagem as comemorações ao dia da Língua Portuguesa.

Dia 5 de maio, é comemorado o dia da língua portuguesa. Aí me vêm as emoções da minha vocação para cultivar a semeadura das belas poesias plantadas no meu coração pelos grandes poetas da literatura romântica e parnasiana brasileira. Neste dia do nosso idioma nacional, rememoro o primoroso poema intitulado "língua portuguesa", do imortal Olavo Bilac, que nos diz:


LÍNGUA PORTUGUESA 
Olavo Bilac

"Última flor do Lácio, inculta e bela,
És, a um tempo, esplendor e sepultura:
Ouro nativo, que na ganga impura
A bruta mina entre os cascalhos vela...

Amo-te assim, desconhecida e obscura.
Tuba de alto clangor, lira singela,
Que tens o trom e o silvo da procela,
E o arrolo da saudade e da ternura!

Amo o teu viço agreste e o teu aroma
De virgens selvas e de oceano largo!
Amo-te, ó rude e doloroso idioma,

Em que da voz materna ouvi: "meu filho",
E em que Camões chorou, no exílio amargo, 
O gênio sem ventura e o amor sem brilho!

A leitura deste poema fiel ao significado das palavras nele contidas nos leva a uma compreensão de comovente satisfação emocional, a partir da primeira frase do primeiro verso, "última flor do Lácio, inculta e bela", que quer dizer haver sido a língua portuguesa o último idioma do grupo neolatino, que se formou do latim vulgar, originário da região italiana do Lácio, e falado pelos soldados daquela região . Na parte em que o poeta afirma "és a um tempo, esplendor e sepultura", no esplendor entendamos que nascia uma esplêndida nova língua, em continuação ao latim, e a sepultura nos remete ao latim em decadência, até cair em desuso, enquanto a língua portuguesa se afirmava e se expandia naqueles primeiros tempos da sua existência, até os dias atuais, embora não tenha alcançado uma dimensão territorial mundial maior, visto que atualmente no mundo só oito países falam o português como idioma oficial, embora outros usem a língua portuguesa não oficial: Portugal, Guiné-Bissau, Angola, Cabo Verde, Brasil, Moçambique, Timor Leste, São Tomé e Príncipe e Guiné Equatorial, são os países conhecidos. Mesmo assim, a língua portuguesa é a quinta mais falada no mundo e a terceira na parte ocidental. Em todo o mundo, atualmente 250 milhões de pessoas falam a língua portuguesa, e o Brasil entra com 80% nesse total. Na região do Mercosul é obrigatório nas escolas o ensino de português. Salve a língua portuguesa. Viva a nossa língua-mãe. Parabéns pelo seu dia. (Raimundo Silva)




Curiosidades sobre a data:


- 10 de junho



A data é comemorada nos países lusófonos, mas a determinação legal é uma homenagem da Assembleia da República (o que corresponde, em Portugal, à nossa Câmara dos Deputados). O dia, escolhido em 1981, homenageia o poeta Luiz Vaz de Camões, autor de Os Lusíadas.

- 5 de novembro

A Lei nº 11.310, de 12 de junho de 2006, institui o Dia Nacional da Língua Portuguesa. A lei brasileira é uma homenagem ao escritor e político Ruy Barbosa, nascido em 5 de novembro de 1849. Ruy era conhecido por ser um profundo estudioso do idioma nacional.

Nesta data significativa, postamos alguns vídeos que
evidenciam a importância da nossa Língua Portuguesa.






Texto de Pinho Neno




fonte:
allesblau, youtube, https://www.facebook.com/raimundo.silva.oficial, http://ail-ita.blogspot.com.br/

quinta-feira, 8 de junho de 2017

FAMETRO - Faculdade Metropolitana de Manaus está sendo instalada em Itacoatiara





























Está sendo finalizada a obra de instalação da FAMETRO em Itacoatiara, precisamente na rua Monsenhor Joaquim Pereira, antiga importadora Chacrinha! Uma boa notícia para ampliar os conhecimentos e dar oportunidade de novos cursos universitários a comunidade itacoatiarense! 

terça-feira, 6 de junho de 2017

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) retoma nesta terça-feira o julgamento que pode resultar na cassação da chapa Dilma Rousseff-Michel Temer.

Dilma e Temer na posse dela, em 1º de janeiro de 2015; chapa é acusada de irregularidades de campanha


Os ministros da corte decidirão se, na campanha eleitoral da dupla, em 2014, houve irregularidades que justifiquem anular o resultado e consequentemente remover Temer da Presidência da República.
Não há prazo para o fim do julgamento, e é possível que pedidos de vista (quando um ministro requer mais tempo para analisar o processo) adiem a decisão para as próximas semanas.
A BBC Brasil listou 5 possíveis cenários para o julgamento da chapa Dilma-Temer
após a conclusão do julgamento.

1- Temer permanece no cargo; MP recorre

Quando os sete ministros terminarem de expor seus votos, já se saberá o resultado do julgamento. Mas o cumprimento da decisão só ocorrerá após a publicação do acórdão - o que, segundo o advogado especialista em direito eleitoral Alberto Rollo, costuma levar duas semanas.

Se a corte decidir pela permanência de Temer, o presidente segue no posto. 


O Ministério Público pode, porém, recorrer da decisão.

Após o acórdão, o TSE abrirá prazo de três dias para que as partes (a defesa da chapa Dilma-Temer e o Ministério Público) apresentem recursos chamados de embargos de declaração, em que podem solicitar que o próprio TSE revise o acórdão, argumentando que houve falhas na decisão.

Os recursos serão primeiro analisados pelo relator da ação, ministro Herman Benjamin, e em seguida submetidos ao plenário. A análise dos embargos de declaração é a última etapa da ação no TSE.

© Foto; TSE Cumprimento da decisão do TSE ocorrerá quando sair o acórdão; tanto MP quanto Temer poderão recorrer 

2 - Temer sai; Rodrigo Maia assume e convoca indiretas

Se a corte decidir pela remoção de Temer, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), assumiria a Presidência da República e a eleição indireta, na qual deputados e senadores escolheriam o novo presidente em uma sessão bicameral, teria de ser convocada por Maia e realizada em um prazo de 30 dias.

A Constituição prevê a realização de eleição indireta quando presidente e vice deixam os postos por renúncia, afastamento ou morte nos dois últimos anos de mandato.

Não há regras claras sobre quem poderia se candidatar - caberia ao Congresso definir os ritos.

3 - Temer sai, mas consegue voltar por meio de recursos

Se o TSE decidir remover Temer, sua defesa pode solicitar ao presidente do tribunal, Gilmar Mendes, um efeito suspensivo da decisão - para que a execução do acórdão seja adiada até a análise dos embargos de declaração - instrumento jurídico que permite às partes pedir esclarecimentos de aspectos da decisão. 

Não há prazo para a análise dos embargos, mas o processo costuma ser rápido. Se houver uma revisão da decisão de afastar Temer, ele voltaria imediatamente ao cargo.

Caso contrário, após a publicação do segundo acórdão, só lhe restaria apresentar um recurso extraordinário ao STF num prazo de três dias.

A ação entraria então em uma nova etapa: um ministro do STF seria escolhido para relatá-la, sem prazo para levá-la a julgamento. Segundo o advogado Alberto Rollo, dificilmente o caso seria julgado neste ano e poderia até ficar para depois do mandato de Temer.

© Foto: ANTONIO CRUZ/AG BRASIL É possível que caiba a Rodrigo Maia, como presidente da Câmara, assumir o controle do país por 30 dias e convocar eleições 

Se for afastado do cargo pelo TSE, Temer ainda poderia pedir à presidente do Supremo, Cármen Lúcia, o efeito suspensivo da decisão da corte eleitoral, para permanecer no cargo até que o STF julgue seu recurso extraordinário. 

Se for afastado e não obtiver o efeito suspensivo, Temer só poderá retornar ao cargo numa eventual decisão favorável do plenário do Supremo que ocorra antes da posse de um novo presidente.

4 - Temer sai; Congresso aprova PEC para realizar diretas

Há algumas possibilidades para que, no caso de uma cassação de Temer, a escolha do próximo presidente ocorra por meio de eleição direta, com participação de todos os eleitores.

Um caminho seria a aprovação de uma das Propostas de Emenda à Constituição (PECs) que tratam do tema e atualmente tramitam no Congresso. 

Uma delas, do deputado federal Miro Teixeira (Rede-RJ), prevê eleição direta para presidente e vice em caso de vacância dos cargos até o último semestre do mandato.

Outra proposta, do senador José Reguffe (sem partido-DF), prevê diretas quando os cargos de presidente e vice fiquem vagos até o terceiro ano do mandato.

As duas iniciativas, porém, são vistas com reserva por boa parte dos congressistas - segundo um levantamento da Folha de S.Paulo, sete dos dez maiores partidos no Congresso se disseram contra uma mudança constitucional para permitir eleições diretas caso Temer deixe o cargo.

5 - Temer sai; STF retoma julgamento que permitiria diretas

Outra possibilidade de realização de diretas seria o STF retomar uma ação que está pronta para ser julgada sobre uma alteração do Código Eleitoral.

Em 2015, o Congresso mudou o código, definindo que, caso o presidente e vice sejam afastados pela Justiça Eleitoral a ao menos seis meses do término do mandato, deve haver eleição direta para substituí-los.

A Procuradoria-Geral da República contestou a alteração no STF, argumentando que ela fere o artigo 81 da Constituição. Afinal, a Carta estabelece que cabe ao Congresso eleger o presidente quando o mandatário e seu vice são afastados após a metade do mandato. 

Se Temer for cassado e a presidente do STF, Cármen Lúcia, colocar o tema em pauta, uma decisão favorável à mudança do código poderia, na prática, determinar a realização de diretas para substituí-lo.


fonte:  - 

sábado, 3 de junho de 2017

Projeto Justiça Interativa na Escola Dep. Estadual Vital de Mendonça

A imagem pode conter: 6 pessoas, pessoas em pé

A imagem pode conter: 7 pessoas, área interna

Na tarde do dia 1 de junho, na Escola Estadual Dep. Vital de Mendonça, aconteceu a palestra abordando o tema JUSTIÇA INTERATIVA, promovida pela Escola da Superior de Magistratura do Amazonas. O evento foi bastante prestigiado dos alunos da Escola.

Em nome da Escola Estadual Dep. Vital de Mendonça, quero agradecer e parabenizar pela brilhante iniciativa da Escola Superior de Magistratura do Amazonas, em nome da Dr. Dinah Fernandes, e a todos os magistrados presentes, promotor, delegado, vereador Bosco Rodrigues e médica, pelo trabalho realizado em nossa Escola, uma equipe multidisciplinar, conversando com cerca de 120 alunos da 3ª serie do Ensino Médio de forma clara, qual o papel da justiça na vida do cidadão. Parabéns! - (Eduardo César - Diretor da Escola Vital de Mendonça)

"Voto Ético para Comunidades Indígenas" vai à Zona Rural de Itacoatiara



Diante do sucesso do projeto inaugural “Voto Ético para Comunidades Indígenas” realizado na Comunidade Indígena Nova Esperança, com a participação de cerca de 150 pessoas entre indígenas e ribeirinhos, o Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas, através da sua Escola Judiciária Eleitoral, realizará a segunda etapa da ação.

O projeto acontecerá no próximo dia 03 de junho, das 8h à 12h, na “Comunidade Indígena Correnteza”, às margens do Rio Urubu, Zona Rural de Itacoatiara/AM, e contará com a participação de autoridades dentre as quais o Juiz Dr. Henrique Veiga Lima, Membro da Corte e Diretor da Escola Judiciária do TRE/AM, o Juiz Eleitoral George Hamilton Lins Barroso, da 3ª Zona Eleitoral, além de servidores e equipe técnica deste Regional.

Voto Ético para Comunidades Indígenas é um projeto inédito e pioneiro no âmbito deste Regional, de cunho educativo voltado para a cidadania e tem como objetivo despertar a consciência cívica, além de estimular a participação política de forma democrática, através de palestras educativas e de conscientização sobre a importância do voto, das eleições, dos valores éticos e morais, e ainda a relevância da cidadania como instrumento de transformação social da comunidade em que vivem.

O evento contará com apresentação de palestra, treinamento teórico e prático na urna eletrônica, entrega de certificados aos participantes, e por fim será realizado um concurso de desenho com premiação.


Data: 03/06/17 (sábado)
Hora: 8h às 12h
Local: Comunidade Indígena Correnteza – Rio Urubu – Zona Rural de Itacoatiara/AM

fonte: http://www.tre-am.jus.br/imprensa/noticias-tre-am/2017/Junho/voto-etico-para-comunidades-indigenas-vai-a-zona-rural-de-itacoatiara

Consulta de opinão

ALBUM DE ITACOATIARA